Por que isso não aparece? Casa do cabo da polícia que recusou 1 milhão do traficante mais procurado do RJ

22 outubro 2015

Por que isso não aparece? Casa do cabo da polícia que recusou 1 milhão do traficante mais procurado do RJ


Em uma casa simples, de dois quartos, no subúrbio, que mora um dos PMs do grupo que recusou a propina de R$ 1 milhão oferecida em 2011 em troca da liberdade do traficante Antônio Francisco Bonfim Lopes, o Nem da Rocinha, o traficante mais procurado do Rio de Janeiro.

Para juntar tal quantia de dinheiro o cabo André Souza, de 39 anos, do Batalhão de Choque, teria que trabalhar 44 anos seguidos, sem gastar um centavo do salário — estimado em cerca de R$ 1.900 mensais. E que daria para comprar a casa própria que ele tanto sonha.

Órfão de mãe desde os 6 anos, Souza falava ainda criança que seria PM. Sonho que começou a se tornar realidade na portaria de prédio da Zona Sul, onde o então porteiro dividia as horas de trabalho com os estudos para o concurso. 

Acostumado com o pouco ‘glamour’ da profissão, Souza só entendeu a dimensão de prender o traficante mais importante do Rio ao chegar ao quartel. Recebido aos gritos de ‘parabéns’ e pela euforia da equipe, o militar disse que a maior recompensa é o reconhecimento da família e dos amigos. “Minha mulher ligou e disse que tem orgulho de mim, que sou o herói dela. Isso vale muito mais que R$ 1 milhão”.

Farmácia Central

Farmácia Central

Vidraçaria Bom Jesus

Vidraçaria Bom Jesus

Madeireira Jatobá

Madeireira Jatobá

M2 Academia

M2 Academia

ads

ads

Ari Moto Peças

Ari Moto Peças

ads

ads

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

  • Copyright © 2017 - Digital Mipibu!
  • Todos os direitos reservados