46 Detentos escaparam na madrugada desta terça-feira no RN.

12 janeiro 2016

46 Detentos escaparam na madrugada desta terça-feira no RN.



Segundo o portal G1rn, essa foi a maior fuga no sistema prisional do Rio Grande do Norte registrada na manhã desta terça-feira (12). A informação foi confirmada pela direção da Cadeia Pública de Natal. De acordo com a diretora Dinorá Simas, 46 detentos escaparam da unidade durante a madrugada. Eles usaram um túnel. Sete já foram recapturados pela Polícia Militar.

Ainda de acordo com Dinorá, segundo o portal, a unidade tem capacidade para 216 detentos, mas atualmente mantinha 430.

A fuga aconteceu por volta das 2h30. Os presos escavaram um túnel que se estendeu até o Complexo Penal João Chaves, que fica ao lado da cadeia. Os detentos escaparam por lá. "O guariteiro percebeu a ação, mas vários homens já estavam fora da unidade", informou Dinorá.

Os detentos recapturados são: Carlos Eduardo da Fonseca, Francimário Pereira da Costa, Heverson Carlos de Souza, Leandro Carlos Antunes ou Leandro Silva Ferreira, Maicon dos Santos Teixeira, Rafael da Rocha Silva e Ronaldo da Silva. A Cadeia Pública de Natal fica na Zona Norte da capital potiguar.

Sistema em calamidade
O sistema penitenciário potiguar está em calamidade pública desde o dia 17 de março de 2015, após uma onda de rebeliões que atingiu pelo menos 14 das 33 unidades prisionais do estado. O decreto, renovado em setembro, tem validade até março deste ano.

De acordo com a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc), já foram gastos mais de R$ 7 milhões nas reformas das unidades depredadas. A secretaria reconhece que o sistema penitenciário do RN é ultrapassado e precisa de uma modernização com mais eficiência e tecnologia nos processos.

Grandes fugas
Até então, a maior fuga do sistema carcerário potiguar havia ocorrido no dia 20 de janeiro de 2012. Na ocasião, 41 presos pularam o muro do Pavilhão 5 da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior unidade prisional do estado. No ano seguinte, o pavilhão foi transformado no Presídio Estadual Rogério Coutinho Madruga.

Em 2015, outras duas grandes fugas foram registradas em Alcaçuz. Na madrugada do dia 6 de abril, 32 detentos escaparam. Já no dia 22 de abril,35 presos também fugiram por um túnel.

A Penitenciária de Alcaçuz fica em A maior fuga no sistema prisional do Rio Grande do Norte foi registrada na manhã desta terça-feira (12). A informação foi confirmada pela direção da Cadeia Pública de Natal. De acordo com a diretora Dinorá Simas, 46 detentos escaparam da unidade durante a madrugada. Eles usaram um túnel. Sete já foram recapturados pela Polícia Militar.

Ainda de acordo com Dinorá, a unidade tem capacidade para 216 detentos, mas atualmente mantinha 430.

A fuga aconteceu por volta das 2h30. Os presos escavaram um túnel que se estendeu até o Complexo Penal João Chaves, que fica ao lado da cadeia. Os detentos escaparam por lá. "O guariteiro percebeu a ação, mas vários homens já estavam fora da unidade", informou Dinorá.

Os detentos recapturados são: Carlos Eduardo da Fonseca, Francimário Pereira da Costa, Heverson Carlos de Souza, Leandro Carlos Antunes ou Leandro Silva Ferreira, Maicon dos Santos Teixeira, Rafael da Rocha Silva e Ronaldo da Silva. A Cadeia Pública de Natal fica na Zona Norte da capital potiguar.

Sistema em calamidade
O sistema penitenciário potiguar está em calamidade pública desde o dia 17 de março de 2015, após uma onda de rebeliões que atingiu pelo menos 14 das 33 unidades prisionais do estado. O decreto, renovado em setembro, tem validade até março deste ano.

De acordo com a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejuc), já foram gastos mais de R$ 7 milhões nas reformas das unidades depredadas. A secretaria reconhece que o sistema penitenciário do RN é ultrapassado e precisa de uma modernização com mais eficiência e tecnologia nos processos.

Grandes fugas
Até então, a maior fuga do sistema carcerário potiguar havia ocorrido no dia 20 de janeiro de 2012. Na ocasião, 41 presos pularam o muro do Pavilhão 5 da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, maior unidade prisional do estado. No ano seguinte, o pavilhão foi transformado no Presídio Estadual Rogério Coutinho Madruga.

Em 2015, outras duas grandes fugas foram registradas em Alcaçuz. Na madrugada do dia 6 de abril, 32 detentos escaparam. Já no dia 22 de abril,35 presos também fugiram por um túnel.

Farmácia Central

Farmácia Central

Vidraçaria Bom Jesus

Vidraçaria Bom Jesus

Madeireira Jatobá

Madeireira Jatobá

M2 Academia

M2 Academia

ads

ads

Ari Moto Peças

Ari Moto Peças

ads

ads

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

  • Copyright © 2017 - Digital Mipibu!
  • Todos os direitos reservados