ITEP participa de discussão do Plano Integrado de Segurança Pública

01 dezembro 2016

ITEP participa de discussão do Plano Integrado de Segurança Pública



O Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP) do Rio Grande do Norte esteve representada nesta terça-feira (30) em uma reunião com representantes da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) para discutir detalhes da implementação do Plano Integrado de Segurança no Estado. 

Representando o órgão pericial, estiveram o diretor-geral, Marcos Brandão, o chefe de gabinete, Tiago Tadeu, e os diretores dos institutos de criminalística, Lidyce Guerra, de Medicina Legal, Dr. César Holanda, e de identificação, Josebias Ferreira. Além desses, participaram, o coordenador da regional de Caicó, César de Araújo, e o subcoordenador de criminalística, Elson Gonçalves. 

Durante o encontro, o delegado federal Humberto Freire, explicou os próximos passos que a Senasp fará no RN para que o plano possa ser posto em prática. “Nesse primeiro momento iremos fazer um diagnóstico das necessidades do Estado. Iremos sentar e discutir com todos os órgãos que compõem o sistema da Segurança Pública”, afirmou.

Segundo o diretor-geral do ITEP, Marcos Brandão, a reunião foi essencial para integrar as forças de segurança pública, a nível estadual e federal. “A perspectiva é que esse plano nacional de Segurança Pública contribua para a redução de vários tipos de crimes. A partir desta proposta, nós colocamos nosso órgão a disposição da Senasp, a fim de contribuir com ideias e proposições que possam auxiliar neste combate e dar maior celeridade aos nossos serviços”, afirma. 

As discussões seguem até o próximo dia 16 de dezembro, quando todo o relatório será finalizado e enviado para apresentação no Ministério da Justiça (MJ). “Vamos trabalhar juntos com a Senasp para construirmos esse planejamento integrado. Com a elaboração desse diagnóstico, ele segue para o ministério da Justiça. A partir daí, passamos a receber os recursos, tantos humanos quanto de infraestrutura”, explicou o secretário da Segurança do RN, Caio bezerra. 

O RN – assim como Rio Grande do Sul e Sergipe – foi escolhido pelo MJ para ser um dos primeiros a receber ações do Plano Integrado, que deve ser posto em prática no Estado no início de janeiro de 2017. Entre as metas desse plano estão: redução de homicídios e de violência contra a mulher; racionalização do sistema penitenciário; proteção das fronteiras do país; e o combate ao tráfico de drogas.

Via: ASSECOM/ITEP

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

ads

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

  • Copyright © 2017 - Digital Mipibu!
  • Todos os direitos reservados